segunda-feira, 26 de outubro de 2009

EDITORIAL

Há Cinquenta Anos o Ministério do Belém, instalou-se emMogi Mirim - SP com o presbítero Sebastião Coutinho e família, coubeao Pr. José José Teixeira Machado iniciar o que hoje existe: Uma Igrejaque proclama o Reino de Deus, que Jesus Cristo salva, liberta, trans-forma o pecador perdido, cura os enfermos, batiza com o Espírito San-to e em breve virá para buscá-la para o céu. Ao longo desses anos enfrentamos dias trabalhosos, per-seguição, incompreensão, mas, também muitas vitórias. Hoje podemoscelebrar e dizer: “Até aquí nos ajudou o Senhor”. Nossa comemoração tem sido marcada com eventos como:Encontro do Círculo de Oração, Congresso de Jovens, congresso deadolescentes e cultos Comemorativos por ocasião da Ceia do Senhor,em cada 2º sábado de cada mês, de Janeiro a Dezembro de 2009. Nossa preocupação é preparar uma Igreja que tenha como padrão a palavra de Deus, que faça a diferença neste mundo e esteja pronta, preparada para morar no Céu. Nossa missão não tem sido fácil, porque o mundo a cada dia se distancia mais do padrão bíblico. Mas, com disse o apóstolo Judas v. 2 e 3: temos que batalhar pela fé para salvar alguns, arrebatando-os do fogo. Assim, continuaremos motivados pelas promessas deDeus, protegidos pelo seu poder e pelo seu amor insondável. Rm 11.36.
Em Cristo Jesus,
Valdeny Carneiro de Oliveira
Pr. Presidente - campo de Moji Mirim - SP



Um comentário:

  1. É para mim uma honra acessar ao seu blog e poder ver e ler o que está a escrever
    reparei que se tem esforçado por nos dar o melhor,
    é um blog que nos convida a ficar mais um pouco e que dá gosto vir aqui mais vezes.
    Posso afirmar que gostei do que vi e li,decerto não deixarei de visitá-lo mais vezes.
    Sou António Batalha.
    Que lhe deseja muitas felicidade e saúde em toda a sua casa.
    PS.Se desejar visite O Peregrino E Servo, e se ainda não segue pode fazê-lo
    agora, mas só se gostar, eu vou retribuir seguindo também o seu.
    Que a Paz de Jesus esteja no seu coração e no seu lar.

    ResponderExcluir